6 FILMES BRASILEIROS QUE HABITAM NOSSOS CORAÇÕES

Que o cinema brasileiro tomou proporções mundiais não é novidade para ninguém,
sendo cada vez mais valorizado nas plataformas de streaming ou salas de cinema. Seja no
drama ou na comédia, o jeitinho brasileiro é cativante em todas as suas produções
audiovisuais, sempre com muita emoção, cores e personalidade, alcançando as telas
irreverentes e críticas de todo o planeta.

Por isso, selecionamos alguns dos mais famosos títulos do cinema brasileiro. São
filmes de destaque, premiados, cults ou comédias regadas ao bom humor brasileiro.

Tudo Bem no Natal que Vem (2020)

Em Tudo Bem no Natal que Vem, Jorge (Leandro Hassum) é um homem rabugento
que sempre odiou o Natal e costuma fazer de tudo para evitar as comemorações desta data.
Na véspera do feriado, ele cai do telhado e bate a cabeça. Quando acorda, percebe que está
vivendo o Natal do ano seguinte, e continua revivendo diversos Natais em um ciclo
interminável.

Minha Mãe É Uma Peça (2013)

Dona Hermínia (Paulo Gustavo) é uma mulher de meia idade, divorciada do marido
(Herson Capri), que a trocou por uma mais jovem (Ingrid Guimarães). Hiperativa, ela não
larga o pé de seus filhos Marcelina (Mariana Xavier) e Juliano (Rodrigo Pandolfo), sem se
dar conta que eles já estão bem grandinhos. Um dia, após descobrir que eles consideram ela
uma chata, resolve sair de casa sem avisar para ninguém, deixando todos, de alguma forma,
preocupados com o que teria acontecido. Mal sabem eles que a mãe foi visitar a querida tia
Zélia (Sueli Franco) para desabafar com ela suas tristezas do presente e recordar os bons
tempos do passado.

Cidade de Deus (2002)

Buscapé (Alexandre Rodrigues) é um jovem pobre, negro e muito sensível, que cresce
em um universo de muita violência. Buscapé vive na Cidade de Deus, favela carioca
conhecida por ser um dos locais mais violentos da cidade. Amedrontado com a possibilidade
de se tornar um bandido, Buscapé acaba sendo salvo de seu destino por causa de seu talento
como fotógrafo, o qual permite que siga carreira na profissão. É através de seu olhar atrás da
câmera que Buscapé analisa o dia-a-dia da favela onde vive, onde a violência aparenta ser
infinita.

Hoje eu Quero Voltar Sozinho (2014)

Leonardo (Ghilherme Lobo), um adolescente cego, tenta lidar com a mãe
superprotetora ao mesmo tempo em que busca sua independência. Quando Gabriel (Fabio
Audi) chega na cidade, novos sentimentos começam a surgir em Leonardo, fazendo com que
ele descubra mais sobre si mesmo e sua sexualidade.

Até Que A Sorte Nos Separe (2012)

Tino (Leandro Hassum) é um pai de família comum que vê sua vida virar de ponta a
cabeça após ganhar na loteria. Levando uma vida de ostentação ao lado da mulher, Jane
(Danielle Winits), ele gasta todo o dinheiro em 15 anos. Ao se ver quebrado, Tino aceita a
ajuda do vizinho Amauri (Kiko Mascarenhas), um consultor de finanças super burocrático e
que por sinal vive seu próprio drama ao enfrentar uma crise no casamento com Laura (Rita
Elmôr). Tentando evitar que Jane descubra a nova situação financeira, afinal ela está grávida
do terceiro filho não pode passar por fortes emoções, Tino se envolve em várias confusões
para fingir que tudo continua bem. Para isso, conta com ajuda do melhor amigo, Adelson
(Aílton Graça), e dos filhos.Tino (Leandro Hassum) é um pai de família comum que vê sua
vida virar de ponta a cabeça após ganhar na loteria. Levando uma vida de ostentação ao lado
da mulher, Jane (Danielle Winits), ele gasta todo o dinheiro em 15 anos. Ao se ver quebrado,
Tino aceita a ajuda do vizinho Amauri (Kiko Mascarenhas), um consultor de finanças super
burocrático e que por sinal vive seu próprio drama ao enfrentar uma crise no casamento com
Laura (Rita Elmôr). Tentando evitar que Jane descubra a nova situação financeira, afinal ela
está grávida do terceiro filho não pode passar por fortes emoções, Tino se envolve em várias
confusões para fingir que tudo continua bem. Para isso, conta com ajuda do melhor amigo,
Adelson (Aílton Graça), e dos filhos.

O Palhaço (2011)

Benjamim (Selton Mello) trabalha no Circo Esperança junto com seu pai Valdemar
(Paulo José). Juntos, eles formam a dupla de palhaços Pangaré & Puro Sangue e fazem a
alegria da plateia. Mas a vida anda sem graça para Benjamin, que passa por uma crise
existencial e assim, volta e meia, pensa em abandonar Lola (Giselle Mota), a mulher que
cospe fogo, os irmãos Lorotta (Álamo Facó e Hossen Minussi), Dona Zaira (Teuda Bara) e o
resto dos amigos da trupe. Seu pai e amigos lamentam o que está acontecendo com o
companheiro, mas entendem que ele precisa encontrar seu caminho por conta própria.

Rush Video – Ideias em movimento